Quarta-feira, 25 de Maio de 2022 - 20:16:30

 portal professor         portal aluno

  • ead

MENSAGEM DO DIRETOR GERAL DAS FIRBS AOS FORMANDOS DE 2013

FlvioNo encerramento desta solenidade, considerada o mais importante evento para as Faculdades Integradas Rui Barbosa, que tenho o orgulho de dirigir a mais de três décadas, quero aproveitar o momento para fazer alguns agradecimentos e uma respeitosa e sincera homenagem.

Agradeço primeiramente aos familiares dos formandos de 2013 pelos custosos esforços desprendidos no apoio a seus filhos para que chegassem a atingir esse honroso objetivo de ser portador de um diploma de curso superior, honraria permitido a apenas 12% da população em idade de cursar a universidade.

 

E isso ganha uma relevância ainda maior por se tratar de um país com 13,2 milhões de analfabetos absolutos somados a 27,8 milhões de analfabetos funcionais comprovados pelo IBGE no censo de 2012.
Agradeço também a confiança que depositaram em nosso trabalho como mantenedor e gestor destas Faculdades e, sem falsa modéstia, fizemos por merecer esse voto de confiança, pois a nossa IES figura no ano de 2013 entre as 14,5% melhores do país, no índice Geral de Cursos, recentemente publicado pelo MEC e, considerando aqui todas as Universidades, to

 

dos os Centro Universitários e todas as Faculdades do país, quer sejam federais, estaduais ou particulares.
Comprovadamente pertencemos a um seletíssimo grupo, graças ao empenho de nossos alunos, a dedicação de nossos mestres e a atuação de minha competente equipe de trabalho.
Agradeço principalmente a vocês queridos alunos, porque no meu imaginário, embora estejam agora se despedindo, continuarão pelo decurso do tempo a ocuparem esse status, por onde eu estiver.
No meu entendimento alunos vocês foram e continuarão sendo, meus caros discentes, é o meu desejo que sigam aprendendo pela vida, para a vida e durante toda a vida.
E gostaria neste momento de fazer aqui a minha homenagem a um grande líder da humanidade desaparecido recentemente e que se aqui estivesse iria repetir essas palavras para incentiva-los e encoraja-los na jornada que devem doravante empreender:

"A educação é a arma mais forte que você pode usar para mudar o mundo."

E não podemos ter medo de mudar o mundo se a nossa pretensão é torná-lo melhor, mais solidário e menos desigual.
Somos humanos e temos o direito de sentir medo, mas como disse o nosso homenageado:

"O bravo não é quem não sente medo, mas quem vence esse medo".

E continua ele a afirmar que:
"Nosso grande medo não é o de que sejamos incapazes.
Nosso maior medo é que sejamos poderosos além da medida.
É nossa luz, não nossa escuridão, que mais nos amedronta".

É preciso ser comedido no avanço respeitando com ética a humanidade e a liberdade de todos.

Você meu caro aluno envolto em sua humildade pode estar perguntando:

"Quem sou eu para ser brilhante, atraente, talentoso e incrível?"

Responde o nosso homenageado:

"Na verdade, quem é você para não ser tudo isso?...
Bancar o pequeno não ajuda o mundo. Não há nada de brilhante em encolher-se para que as outras pessoas não se sintam inseguras em torno de você.
E à medida que deixamos nossa própria luz brilhar, inconscientemente damos às outras pessoas permissão para fazer o mesmo".

E acreditando nisso, com muita luz e com a forte energia de todos, poderemos contribuir para a construção de outro mundo mais harmonioso, mundo de paz, sonho que sempre pautou a vida e não será esquecido após a morte, de Nelson Mandela a quem singelamente rendo as homenagens da Instituição que represento.